Sexta-feira, 8 de Julho de 2016

Durão Barroso - O canalha português

o canalha portugues_1.jpg

Contam-se atualmente 101 cargos. Não fez nada de jeito em nenhum deles

Tony Blair ainda teve o rebate de consciência de admitir que errou ao apoiar a guerra do Iraque.
O canalha português, que só tirou benefícios oportunistas por todos os lugares por onde passou continua a lucrar com a desgraça dos outros, sempre aliado ao que pior existe na política internacional.
Conclusão
O maior oportunista e o maior canalha português (sem escrúpulos, sem moral, sem dignidade).
Quem o apoia é igual a ele, ou gostava de ser, assim como ele também apoia os que são da sua laia.
Um dia há-de pagá-las.

Estranho que ele sempre mostrou o que era e ao que vinha, mas muita gente não percebeu, nem os "espertos" da Europa.

A marca de sempre. Um papagaio falante sem ter nada de útil a dizer.

Esta também está bem apanhada,

Tachista mor.PNG

 

publicado por eu-calipto às 22:55

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 2 de Julho de 2016

Wolfgang Schäuble, o canalha alemão

O ministro alemão estava a falar sobre receios em torno do Deutsche Bank colocados por entidades financeiras estrangeiras, mas de repente,  para desviar as atenções, começou a dizer que está mais preocupado com Portugal do que com o Deutsche Bank. Isto porque Portugal não tem “resiliência” suficiente nos mercados” e, por isso, “tem de fazer tudo para anular a incerteza nos mercados financeiros”.»

Este senhor sabe muito bem o que diz quando abre a boca, sabe o que diz, o que pretende e as consequências do que diz e no dia ao Conselho Europeu que discutiu o Brexit o ministro das Finanças alemão é tudo menos um descuidado, A Alemanha quer responder ao Brexit com mais extremismo económico e com o saneamento do Euro e da UE, este senhor é um canalha e usa Portugal para fazer pressão sobre um governo alemão de coligação e sobre a chanceler Merkel.

Minutos depois do grande disparate, o ministro alemão voltou atrás e esclareceu; “Portugal não quer um novo programa e não vai precisar dele se cumprir as regras europeias que obrigam à consolidação orçamental e à redução do défice. Mas Portugal tem de cumprir as regras ou corre o risco de entrar em dificuldades e precisar de um novo programa de ajuda.

Adaptado de [O Jumento]

[Observador]

Conclusão

Concordo com o Jumento. Este senhor é um canalha. Quando se vê apertado tem a boia de salvação que é falar de Portugal (para ele, o bombo da festa).

Convém recordar que o senhor Schauble ou (“shovel” = pá), foi aquele que admitiu no parlamento alemão ter recebido em 1994, do “empresário” comerciante de armas Karlheinz Schreiber, um donativo para a CDU no valor de 100 000 marcos alemães, um montante que nunca apareceu nos relatórios de contas do seu partido. Teve de pedir desculpas públicas e a coisa ficou por aqui. Tão sério, tão sério …

A Alemanha utilizou milhares de homens e carros blindados para dominar a Europa em meados do século passado, mas não conseguiu. Agora, uma mulher e um coxo em cadeira de rodas dominam toda a UE.

publicado por eu-calipto às 23:49

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Junho de 2016

CMTV? O que é isto? O nome de um novo produto tóxico?

Que pena o microfone ter sido atirado para o lago. Vai poluir a água. O microfone CMTV devia ter sido atirado para um caixote de lixo tóxico e mal cheiroso, isso sim, é o que estaria correto.

Estava combinado entre todos os jornalistas que não haveria entrevistas nem conversas com os jogadores. Pois a televisão de sarjeta, tal como o seu pasquim, achou que estando vedado aos restantes meios de comunicação poderia fazer uma peça única. Um grande sinal de jornalismo corajoso (jornalismo rasca digo eu). Uma originalidade. O direito à informação contra regras combinadas.
Pois desta vez com o Ronaldo sairam-se mal. Ronaldo fez o que muitos têm tido vontade de fazer mas não têm tido coragem.
Os mentores deste lixo informativo Otávio Ribeiro e Eduardo Dâmaso entre outros, armam-se sempre em virgens ofendidas, "o direito à informação, o direito à informação, o direito à informação". Só para eles claro, porque mais nenhum órgão de comunicação fez ou faz o que estes montes de lixo fazem todos os dias.
Um comentador da SIC disse o que está na realidade certo. Nunca seria um atentado à liberdade de informação porque, Ronaldo e muita gente (eu não podia estar mais de acordo), acham que o CM e a CMTV não são órgãos de informação.

 

publicado por eu-calipto às 09:25

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 24 de Junho de 2016

O estarola Jeroémio

O que é que ele tinha para dizer?

Nada claro, ou, nada, claro!

Jeroémio_saida Reino Unido_23Jun16.png

 Óh estarola! Então o futuro da União da Chafarica passa por quê?

Passa por: "facilitar"; "levitar"; "flutuar" ?

Talvez "aprofundar" sem "apro" => "afundar".

Alargar também não parece ser a vontade do Jeroémio, portanto só resta ir diminuindo. Já temos menos um país. Quando ficar só a Alemanha este cromo fica presidente do quê? Do Eurosolo? Lol.

publicado por eu-calipto às 23:49

link do post | comentar | favorito
|

BREXIT - Fugir a sete pés destes imbecis da XêÉÉ

Porque razão anda tanta gente insatisfeita com a União Europeia e a sua complicadíssima e burocratísiíma organização? Muitos motivos. Cada país terá os seus.

Os ingleses terão as suas razões e devemos tentar compreender. Pena que alguns decidiram a saída pelas razões erradas e os que defendiam a permanência faziam-no também maioritariamente por razões egoístas e com o argumento do medo.

Os portugueses também ficam espantados com algumas coisas que a CEE lhe tem feito.

Vejam a última:

Tribunal de Justiça da UE condena Portugal - três milhões de euros

Num acórdão hoje divulgado, o Tribunal de Justiça da UE condena Portugal, além do pagamento da quantia fixa de três milhões de euros, a uma sanção pecuniária compulsória de 8.000 euros por dia de atraso no cumprimento da directiva relativa ao tratamento das águas residuais urbanas, concretamente em Vila Real de Santo António (Algarve) e Matosinhos (Porto).

Na fixação da multa de três milhões de euros, o tribunal teve em conta outras falhas de Portugal no tratamento de águas residuais e o facto de estar em causa a saúde e o ambiente, considerando que o montante é uma medida dissuasiva.

Conclusão

Se não houve dinheiro para fazer as obras até agora, com menos 3 milhões é que nunca mais se fazem. Ou será porque este governo não é da cor política que o chefe do tribunal gosta?

Estes é que ditam as regras. Alguém os elegeu?

Sabe quem são? Conseguem dizer os  nomes dos bichos?

Koen Lenaerts.jpg Valdis_Dombrovskis.jpg 

      Donald Tusk.jpg

Pois é   :-(

São estes que mandam numa parte da Europa de quase 300 milhões de habitantes.

 

publicado por eu-calipto às 18:06

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 16 de Junho de 2016

União Europeia => Chafarica-2

Para quem teve dúvida da porcaria de União Europeia que eu denunciei no post anterior aqui está a confirmação de que eu tinha razão, logo no dia seguinte.

http://24.sapo.pt/article/lusa-sapo-pt_2016_06_16_13620062_imposto-aplicado-a-veiculos-importados-de-outro-estado-membro-e-ilegal---tribunal-da-ue

Imposto aplicado a veículos importados de outro Estado-membro é ilegal - Tribunal da UE

"O Tribunal de Justiça da União Europeia (UE) considerou hoje que o imposto sobre veículos usados importados de outro Estado-membro aplicado em Portugal viola as regras da livre circulação de mercadorias".

Ou seja, os portugueses têm de aceitar os chaços velhos que os alemães, os franceses e os holandeses já não querem e nos querem impingir sem nenhum imposto. Não querem a poluição lá nos países deles mas em Portugal podem circular os grandes carrões Audis, BMW e Mercedes já bem estafados.

Tudo em nome da livre circulação de bens, mas os nossos produtos há alguns anos não podiam entrar na Europa (as maçãs não tinham a dimensão estabelecida e os recursos de pesca estavam esgotados para os velhos barcos de Peniche, mas já não havia problema para as modernas frotas espanholas).

O Estado português já não pode ir buscar receita de impostos onde acha melhor. A única coisa que a Europa permite é baixar salários e vender as empresas estratégicas. Isso já é legal.

Ora batatas. Que se lixe esta Europa!

publicado por eu-calipto às 22:28

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 14 de Junho de 2016

UE-União Europeia ou a GC-Grande Chafarica?

As instituições da UE em poucas palavras

  • Parlamento Europeu
  • Conselho Europeu
  • Conselho da União Europeia
  • Comissão Europeia
  • Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE)
  • Banco Central Europeu (BCE)
  • Tribunal de Contas Europeu (TCE)
  • Serviço Europeu para a Ação Externa (SEAE)
  • Comité Económico e Social Europeu (CESE)
  • Comité das Regiões (CR)
  • Banco Europeu de Investimento (BEI)
  • Provedor de Justiça Europeu
  • Autoridade Europeia para a Proteção de Dados (AEPD)
  • Órgãos interinstitucionais

_________________________________________________________

Conselho da União Europeia

O Conselho da UE é, juntamente com o Parlamento Europeu, o principal órgão de decisão da UE.

O Conselho da União Europeia, ou simplesmente Conselho constitui a principal instância de decisão da União Europeia. É a expressão da vontade dos Estados-Membros, cujos representantes se reúnem regularmente a nível ministerial.

A Presidência do Conselho da União Europeia é uma responsabilidade do um país desempenha esta função, de forma rotativa entre os Estados membros da União Europeia, de seis em seis meses.

1ª semestre 2014 – Grécia

2º semestre 2014 - Itália

1ª semestre 2015 – Letónia

2º semestre 2015 - Luxemburgo

1ª semestre 2016 – Países Baixos

2º semestre 2016 – Eslováquia

 

Futuro

                Malta: janeiro – junho de 2017

                Reino Unido: julho – dezembro de 2017

                Estónia: janeiro – junho de 2018

                Bulgária: julho – dezembro de 2018

                Áustria: janeiro – junho de 2019

                Roménia: julho – dezembro de 2019

                Finlândia: janeiro – junho de 2020

________________________________________________

Conselho Europeu

Donald Tusk, Presidente do Conselho Europeu, Polish politician and historian.

O Conselho Europeu - uma cimeira trimestral que reúne os Chefes de Estado e de Governo da UE para fixar as grandes linhas da política da EU

 Donald Tusk.jpg

 _________________________________________________________

Parlamento Europeu

Presidente

Martin Schulz, Presidente do Parlamento Europeu,

Político alemão pertencente ao Partido Social-Democrata da Alemanha-SPD

 Martin Schulz.jpg

 ______________________________________________________

Comissão Europeia

Presidente

Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão Europeia (2014-2019)

Jean-Claude-Juncker.jpg

    ou   

Vice-Presidente

Frans Timmermans, vice-presidente e número 'dois' da Comissão Europeia,

Dutch politician and diplomat

 Frans Timmermans.jpg

 ___________________________________________________

Banco Central Europeu

Mario Draghi, Presidente do Banco Central Europeu

Is an Italian economist

Mario Draghi.png

 _______________________________________________________________

EUROGRUPO

Jeroen Dijsselbloem, Presidente do Eurogrupo, político Holandês ex-ministro das finanças daquele país

Jeroen Dijsselbloem.jpg

 Conselho da Europa

O Conselho da Europa (inglês: Council of Europe, francês: Conseil de l'Europe) é uma organização internacional fundada a 5 de Maio de 1949, a mais antiga instituição europeia em funcionamento.

 Comissários Europeus

Entre muitos para vários assuntos de onde não se vê sair nada de útil

Pierre Moscivici, francês

Pierre Moscovici.jpg

 Valdis Dombrovskis, lituano cujo inglês nem na escola da Cova da Moura passava de ano. Mas também manda bitaites sobre Portugal que talvez nem saiba onde fica.

Valdis_Dombrovskis.jpg

 ___________________________________________________

Tribunal de Justiça da União Europeia

Vassilios Skouris, A Greek judge who was President of the European Court of Justice from 2003 to 2015

 Koen Lenaerts, Presidente, juiz belga

Koen Lenaerts.jpg

 _____________________________________________________

Confusão? Mas é tão fácil perceber.

É frequente que o Tribunal de Justiça da União Europeia seja confundido com o Tribunal Europeu de Direitos Humanos, com sede em Estrasburgo. No entanto, enquanto o Tribunal de Justiça da União Europeia é uma das sete Instituições da União Europeia, o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos não faz parte da União Europeia mas sim do Conselho da Europa.

Conselho da União Europeia, Conselho Europeu, Conselho da Europa, Parlamento também chamado Conselho. Tudo bons conselhos

 

Mas afinal quem manda na EU, no Euro; nisto tudo?

Wolfgang Schäuble, ministro das finanças alemão, um político do partido União Democrata-Cristã CDU, quase chanceler e quase presidente alemão.

Wolfgang Schauble.jpg 

Ele foi confidente de Helmut Kohl, quase se tornou chanceler. Foi atingido por um tiro durante um atentado. Viu-se envolvido num escândalo relacionado com doações ao seu partido a CDU, o que marcou a biografia política de Schäuble. Em dezembro de 1999, o ministro negou inicialmente, diante do parlamento, ter recebido dinheiro do “empresário” comerciante de armas Karlheinz Schreiber – mas, em seguida, admitiu ter aceitado em 1994 um donativo de 100 000 marcos alemães para a CDU, um montante que nunca apareceu nos relatórios de contas do seu partido. Posteriormente desculpou-se publicamente no Bundestag por ter «transgredido a lei» e por ter ocultado sua ligação com Schreiber.

Esse escândalo aniquilaria os seus planos de sucessão a Helmut Kohl, que nesse momento o preteriu em favor de uma jovem promissora provinda da antiga RDA – Angela Merkel,

Após seu rompimento com Kohl, Schäuble recusa-se a falar com o ex-chanceler. Kohl também evitou manter contato com seu aparente herdeiro político

Razão para nos perguntarmos se a intransigência da sua política na cena europeia não constituirá uma espécie de «vingança» por um destino pessoal com razões de sobra para amargurar um homem.

Mas que culpa têm os paises do Sul deste infeliz ser um ressabiado?

http://codinomeinformante.blogspot.pt/2012/09/der-spiegel-wolfgang-schauble-o.html

e

https://aventar.eu/2015/03/16/w

publicado por eu-calipto às 23:11

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 13 de Junho de 2016

Começo do início do fim da impunidade?

Ainda é muito cedo para se saber onde isto vai dar. Os acusadores também são suspeitos, mas sendo o que são, apertados passam a batata quente a outros para salvar a própria pele. Enfim!

Juiz e procurador são testemunhas contra jornalistas

http://sol.sapo.pt/artigo/513202

Carlos Diogo Santos

carlos.santos@newsplex.pt

O Ministério Público acusou esta semana 13 jornalistas e diretores de três meios de comunicação social por violação do segredo de Justiça na Operação Marquês. A acusação surge no âmbito de um inquérito que conta apenas com duas testemunhas: o procurador titular do processo de Sócrates, Rosário Teixeira, e o juiz de instrução criminal Carlos Alexandre. Os acusados são dois profissionais do SOL (José António Saraiva e Felícia Cabrita), três da revista Sábado e oito do Correio da Manhã. Os restantes 20 jornalistas, de outros órgãos de comunicação, que tinham sido constituídos arguidos viram o seu processo ser arquivado.

Quanto aos diretores das três publicações à data das notícias, José António Saraiva, Rui Hortelão e Octávio Ribeiro, o DIAP de Lisboa diz que, tendo conhecimento de que os jornalistas iriam publicar peças que violavam o segredo de Justiça, «a isso não se opuseram, como podiam e era sua obrigação fazê-lo». «Atuaram todos os arguidos de forma livre e conscientes», concluem.

Faltam ainda muitos Josés Rodrigues dos Santos, Manuelas Mouras Guedes, Paulos Morais, Eduardos Dâmasos e outros nojentos.

publicado por eu-calipto às 23:17

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 8 de Junho de 2016

Quem ganhou e quem perdeu com o Euro

Política cambial.

Política cambial é o conjunto de ações e orientações ao dispor do Estado destinadas a equilibrar o funcionamento da economia através de alterações das taxas de câmbio.

A queda das taxas de câmbio torna uma moeda nacional mais barata face às restantes. A desvalorização da moeda tem um efeito benéfico sobre as exportações, que se tornam mais baratas e competitivas; consequentemente, tem um efeito nefasto sobre as importações, funcionando como instrumento corretor de desequilíbrios da balança de pagamentos.

Mas, se um Estado não produz um determinado bem essencial, a sua importação não diminui, mesmo quando há um aumento das taxas de câmbio.

Aquele tipo de equilíbrio funciona bem para os produtos supérfluos ou dispensáveis. Ora isto é bom! Dispensa-se aquilo que pode ser dispensado.

O que aconteceu na Zona Euro?

Abreviando a conversa, temos:

Os países menos competitivos da Europa do Euro continuaram a comprar automóveis caros, telemóveis de última geração, roupa de marca, etc., à custa de endividamento. Este endividamento foi sendo facilitado pelos especuladores, pois os grandes bancos iam subjugando lentamente os países mais fracos (a saber, o Sul da Europa). No caso de Portugal, iam tomando conta de nós sem ser necessária uma ocupação militar. Tudo fácil, e nós a dormir permitimos tudo.

No caso dos países fortes (Alemanha) continuaram a vender automóveis e equipamentos militares desnecessários (submarinos, etc….). Se existisse o sistema de equilíbrio da política cambial a Alemanha ficava com a moeda muito mais forte e os paísecos ranhosos não teriam Marcos suficientes para comprar os SUVs BMWs X5, os VW Touareg, os Mercedes, Porches, submarinos, etc. Como o a moeda alemã não se valorizou esta continuou a vender os seus produtos, acumulando lucros de forma egoísta.

Conclusão

Os países mais pequenos foram prejudicados com o Euro e os países fortes foram e são altamente beneficiados. É esta a Europa que os ingleses fazem bem em maldar às malvas.

PS - Acabei há pouco de comprar uma réguazinhas de madeira com certificação florestal PSC. Tinha um número e fui à internet verificar. A origem da madeira é a Holanda. Ora aqui está, aquele grande produtor florestal está a vender madeiras ao resto da Europa. (Alguém está a comer o pão que o diabo amassou para um holandês ter um belo iate). O Mundo é dos espertos, dos chicos espertos.

publicado por eu-calipto às 17:47

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 29 de Maio de 2016

Feira de pançudos

Desta vez não vale a pena eu gastar muito latim. As imagens tiradas de jornais esta semana devem ser suficientes para fazer compreender a uma pessoa com inteligência mínima, mesmo sem saber ler ou escrever, que há uns pançudos com uma barriga 90 vezes maior do que a dos que trabalham todos os dias a seu lado.

A maior parte deles de empresas que vivem de exclusividade de serviços, de que pagamos preços dos mais elevados da Europa (energia elétrica, combustíveis e comunicações).

feira de pançudos.jpg

pançudo nº 1.jpg

pançudo nº 2.jpg

pançudo nº 3.jpg

pançudo nº 4.jpg

E ainda dizem que os portugueses vivem acima das suas possibilidades?

Quem? Os portugueses? Não serão os pançudos?

SINAIS DE FOGO – OS PIRATAS DA HOLANDA

https://aviagemdosargonautas.net/2016/03/27/sinais-de-fogo-os-piratas-da-holanda-por-soares-novais/

"Cinco conhecidos piratas portugueses – Soares dos Santos, Américo Amorim, Pedro Queiroz Pereira, Belmiro de Azevedo e o filho Paulo – abocanharam 839 milhões de euros no final de 2015. Tal aconteceu por uma simples razão: escolheram a Holanda para instalar as falsas sedes das suas empresas. Assim só pagam 5% de impostos.

A Holanda também ganha com a chico-espertice lusa: 500 milhões de euros! A revelação foi feita pelo insuspeito “Negócios”. À Holanda basta-lhe ser o útero de aluguer das empresas portuguesas que integram o PSI 20.

O jornal assevera, também, que no final de 2015 foram distribuídos 2,23 milhões de euros, sendo que 2/3 desse montante não pagou a taxa liberatória portuguesa de 28% mas apenas 5%. Tal qual estipula a lei holandesa.

A família de Soares dos Santos embolsou 461,7 milhões de euros com o “jackpot” holandês, sendo que Pedro Queiroz Pereira surge em 2º lugar com 208 milhões de euros. Américo Amorim é o terceiro com 120 milhões, enquanto Belmiro e o filho ganharam 50 milhões.

Não admira, pois, que todos estes piratas ocupem o topo da lista dos mais ricos do país e vejam as suas contas  bancárias   engordar, dia após dia, apesar de milhares de compatriotas terem sido atirados para o desemprego e a emigração.

Além de  fintarem  o  estado  português,  estes piratas ainda têm o desplante de clamar contra um ordenado mínimo de 530 euros e enchem os ecrãs das televisões e as páginas dos jornais com lições de (falsa) moral.

São piratas, sim senhor,  pois enriquecem à custa de outrem por meio malandro e velhaco".

publicado por eu-calipto às 22:29

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 10 de Maio de 2016

Cavacos. Coisas muito interessantes se fossem hoje …

Não é bonito falar de alguém que já tenha morrido, sobretudo para recordar coisas menos boas que essa pessoa tenha feito. Trata-se do irmão de Cavaco Silva, Rogério Cavaco Silva, falecido em 2010.

https://www.publico.pt/local/noticia/burla-que-vitimou-irmao-de-cavaco-silva-regressa-hoje-a-tribunal-1238709

Mas agora que se fala tanto em off-shores podemos relembrar notícias que apareceram em 2005 em que um irmão de Cavaco Silva se envolveu na criação de uma empresa off-shore denominada Luso Africa Investments, sediada no Domínio de Melchizedek, uma ilha desabitada perto das Ilhas Marshall, para obter um financiamento de 1,4 milhões de euros para um investimento numa unidade hoteleira em Olhos de Água, no Algarve.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Rog%C3%A9rio_Cavaco_Silva

 

1992 – O CCB custou 200 vezes mais

http://150anos.dn.pt/2014/07/31/1992-o-ccb-custou-200-vezes-mais/

Outras fontes falam num orçamento de 31,5 milhões de euros e um custo final de 200 milhões de euros (6,4 vezes mais, ou seja 635%), o que já não é coisa pouca.

Alguém se escandalizou? - Poucos e durante pouco tempo! Outros tempos, outras simpatias!

Alguém foi preso ou sequer incomodado? - Que se saiba nada nem ninguém!

Pessoas ligadas à obra disseram-me que um irmão de Cavaco Silva esteve ligado à obra do Centro Cultural de Belém, nomeadamente na área dos ares condicionados. Bem procurei na internet alguma informação, mas não consegui confirmar nada, portanto esqueçam. Para além do mais o senhor já morreu. Paz à sua alma.

Nota final: Tanto que se falou nos primos e no tio de José Sócrates. Vejam lá o tão pouco que se ouviu falar do irmão de Cavaco Silva, ou do seu genro(*) que comprou o Pavilhão Atlântico. Simpatias jornalísticas.

(*) Consórcio de Luís Montez compra Pavilhão Atlântico por 21,2 milhões de euros

https://www.publico.pt/politica/noticia/consorcio-de-luis-montez-compra-pavilhao-atlantico-por-212-milhoes-de-euros-1556482

publicado por eu-calipto às 21:01

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Abril de 2016

Ministros sombra a sair da sombra ...

Há dois anos fiz um post que poucos ou ninguém deu importância.

Falava eu dos ministros de um governo de salvação nacional. Uma sugestão séria para quem acompanhava o dia a dia das televisões.

remodelacao governo Portugal.png

 Agora começa a confirmar-se a minha previsão.

Jose Gomes Ferreira_confirma-se o que sempre disse

Esperemos mais uns meses, ou uns anos, para os outros aparecerem e ganharem o merecido lugar na história. Não desesperem, há-de chegar o seu momento de glória como aconteceu agora ao feliz "Freitas Centeno".

Nota explicativa:
Para os muitos brasileiros que consultam este blog e não conhecem bem estes "cromos" portugueses.
Estas figuras são comentadores de televisão que numa certa altura apareciam todos os dias a explicar aos portugueses como se faz isto e aquilo. As razões da crise, os culpados da crise, etc., etc..

Ainda recebiam e recebem dinheirinho pelos "bitaites" sem qualquer valor. As certezas deles são sempre indiscutíveis, segundo eles próprios. Os outros são sempre todos estúpidos. Tinham e têm as boas soluções para tudo.
Por isso é que achei que fariam um bom governo.

publicado por eu-calipto às 09:49

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 12 de Abril de 2016

Offshore do Panamá - Ainda se vão encontrar todos no mesmo balcão

É interessante saber tudo quase ao mesmo tempo.

Agora que se fala nas empresas que “evitam” os impostos, com sedes em paraísos fiscais, vai-se sabendo quem enriqueceu sem contribuir para a sociedade, mas ao mesmo tempo vestiam peles de cordeiro e ditavam obrigações e moral para os outros.

Estão neste caso os donos dos pasquins Sol e Correio da Manha. Afinal o dono do Sol é uma empresa offshore - Pineview Overseas SA.,

 

todos no Panamá a apanhar Sol_Abr16.png

 O jornal dos moralistas baratos,

Sol no Panamá_Abr16-2.png

 Grande obra do pequeno arquiteto,

Sol no Panamá_Abr16.png

 Felícia Cabrita que tantos criminosos descobriu não se lembrou de investigar os seus patrões. Isto é que tinha sido um bom serviço à humanidade.

Também a Cofina do CM, que tanto persegue Sócrates e tudo o que cheira a Socialista, recebeu dinheirinhos da mesma offshore do Sol, mas mesmo com esta ajuda e mais os jornalecos vendidos nas tabernas e nos barbeiros, ainda não chegou para pagar os impostos.

CM_treinadores de bancada_vigaristas desonestos.jp

 A falta de vergonha é tanta que dois dias depois de se saber da penhora à Cofina por parte do fisco, aparece a capa a dizer que Sócrates escondeu dinheiro em offshore. Panamá? Olha quem fala. Como sabem, viram-no lá certamente, ou até viajaram no mesmo avião.

CM_ranhoso+luvas_12 Abril 16.png

 Por isso é que eu digo.

Ainda se vão encontrar todos no balcão da mesma offshore. 

 Quem tirou a senha primeiro? O juiz que diga ...

publicado por eu-calipto às 18:37

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 10 de Abril de 2016

Há vigaristas sérios? Ou só passam por sérios ...

Muitos ditados portugueses se aplicam:

- Em casa de ferreiro espeto de pau.

- Quem muito fala pouco acerta.

- Mais depressa se apanha um mentiroso do que um coxo.

- Bem prega Frei Tomás. Faz o que ele diz, não o que ele faz.

- Consegue-se enganar uma pessoa toda a vida, algumas pessoas durante algum tempo, mas não todo o Mundo durante todo o tempo.

- Quem nasce torto tarde ou nunca se endireita (quem vendeu o CM à Cofina, quem foi?).

 

Bem, aqui está o que ninguém esperava. O grupo do jornaleco que mais vende não paga o que deve ao Estado (a todos nós). Uns verdadeiros ranhosos. Além de um jornalismo de sarjeta que mete nojo, não paga os impostos. O Otávio, ou Otário, ou lá o que é, mais o imbecil semi-senil Dâmaso ou Damásio, ou lá o raio que os parta, só conhecem as leis para se aplicarem aos outros?

Ora aqui estaria uma boa capa para o pasquim. Será também culpa de Sócrates?

CM_treinadores de bancada_vigaristas desonestos.jp

Nota final: Qual a razão de tanto azedume?

                   É só uma. Para quem tanto deve a Sócrates de sucesso de vendas dos pasquins e para os moralistas exigentes do cumprimento das leis, isto de dever ao Estado fica muito mal. Quem é pior? Sócrates por eventuais vigarices, que aliás tardam a ser provadas, ou os Cofinas por incumprimentos fiscais de que não há a mínima dúvida de serem verdadeiras e já chegaram à decisão final => penhora?

Está claro que não vão pagar!

O que é mais  mais espantoso e triste é a justiça ir a reboque desta gente.

publicado por eu-calipto às 23:16

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 26 de Março de 2016

Imbecilizar um povo

Quando um jornal tem livre acesso aos documentos de um processo judicial para ter matéria para noticias diárias, sem nenhum respeito pelos direitos de um cidadão, e para além disto muita gente compra este monte de lixo e parece concordar inteiramente com este método, aliás, incentivado e alimentado por alguns responsáveis da própria justiça.

O que mais dizer ou fazer? - Pouco ou nada!

É um povo ou um país perdido, acéfalo, acrítico. Vale tudo!

se isto não é perseguição o que é.pptx.png

            O massacre de todos os dias, digo, todos os dias mesmo.

Acaso? Não é por acaso!

Sócrates recusou abrir um quinto canal aberto para a CMTV.

A bem da nossa saúde mental. Isto temos de agradecer a Sócrates.

Fui de viagem ao Norte e felizmente, desde os locais mais aprazíveis até às tascas e cafés mais humildes, quase não se vê o pasquim da manhã, mas vê-se mais o Jornal de Notícias. Mais uma vez vai ser o Norte a manter Portugal livre dos maus espíritos? Oxalá.

publicado por eu-calipto às 22:34

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Março de 2016

Sem mais comentários

sorrisos no reino animal.png

       Estão a rir para nós ou a rir de nós?

publicado por eu-calipto às 18:54

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 27 de Fevereiro de 2016

"Corrupção" legal

Carvalho da Silva disse ontem no congresso da CGTP uma verdade que estava a escapar a todos nós. O país tem sido devastado financeiramente, não pela corrupção em atos classificados como crime, mas muito mais em "corrupção" em atos perfeitamente legais. A soma de todos os dinheiros pagos a Manuel Godinho, Isaltino de Morais, José Sócrates, Armando Vara, etc., aliás, muito mal ou nada provados, são uma pequeníssima, mas mesmo muito pequeníssima parte do que foi dado a bancos, empresas públicas e até privadas, na maior impunidade e dentro da "lei".

O alarido dos casos mediáticos servem apenas como cortinas de fumo para os grandes tubarões passarem pelos pingos da chuva sem se molharem. Ninguém pergunta como é que Miguel Relvas é "dono" (ou intermediario na venda) de um banco "legal", ninguém pergunta como é que Dias Loureiro ganhou fortunas, ninguém questiona como é que a Caixa Geral de Depósitos dá prejuízos, com todo o dinheiro que tem e dando juros aos seus depositantes de 0,35% ao ano (é o meu caso, tenho lá todas as poupanças e recebo ao fim de um ano uma centena de Euros).

Poucos se incomodam com os fabulosos lucros dos Pingos Doces, das SONAIs, das EDPs, das Portugal Telecoms, com o dinheiro a ir parar às mãos dos chineses e dos governos da Holanda e do Luxemburgo "legalmente".

tags:
publicado por eu-calipto às 09:26

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2016

Finlândia - fim da lândia?

Quando Portugal mais precisava de ajuda, a Finlândia ridicularizou-nos e castigou-nos com ameaças de veto. Agora, tem de engolir o amargo do seu próprio remédio…

Portugal é uma nação quase milenar, a Finlândia é uma antiga colónia russa cuja independência não conta sequer um século. Em 2011 os finlandeses acharam por bem tentar humilhar Portugal, demonstrando bem o seu sentido de “solidariedade europeia”.

A Finlândia, ficou rica a vender papel e madeira aos russos, e telefones Nokia ao resto do mundo. Quando Portugal precisou de um resgate devido às políticas despesistas erradas impulsionadas por Bruxelas, a “solidariedade europeia” dos finlandeses traduziu-se numa ameaça constante de veto e em insultos constantes ao nosso povo.

Fomos apelidados de preguiçosos, burros e gastadores do “dinheiro deles”. Até um jogo ‘online’ fizeram, intitulado “o rei de Portugal”, em que os portugueses irresponsáveis queimavam o dinheiro finlandês.

Outros fizeram vídeos a gozar connosco no youtube.

A situação mediática ficou tão negra que até Marcelo Rebelo de Sousa, viu necessidade de fazer um pequeno filme a explicar aos finlandeses que Portugal não era tão mau como parecia. Uma boa iniciativa patriótica, mas o patético filme nunca passou nem na Alemanha, nem na Finlândia.

O antigo primeiro-ministro da Finlândia, Alexandre Stubb, culpa… a empresa de computadores Apple pela desgraça que está a afectar o seu país: “o iPhone matou a Nokia e o iPad matou a indústria do papel finlandês”. Mas quando a competição externa matou grande parte da indústria têxtil portuguesa, lançando milhares no desemprego, os países nórdicos pouca, ou nenhuma, solidariedade mostraram para connosco.

Adaptado de um texto de Pedro Santos

http://jornaldiabo.com/internacional/finlandia-crise/

Mas há mais,

Finland is expected to be Europe’s worst performing economy in 2016 after Greece

http://www.focus-economics.com/countries/finland

Prevê-se que a Finlândia venha a ter a economia com pior desempenho em 2016 logo a seguir à Grécia.

Que grandes preguiçosos!

Vão trabalhar malandros!

Alguns títulos dos Correios das Manhãs do outro lado dos Pirenéus.

Finland after the boom: 'Not as bad as Greece, yet, but it's only matter of time'

Finland’s economy is heading for a ’perfect storm’ of economic problems which risk undermining growth

Finnish economy stuck in three-year-old recession - data

Finland Economy - GDP, Inflation, CPI and Interest Rate

Finland’s Problem Isn’t the Euro

Finland is the poster child for why the euro doesn’t work

 

Nordea Bank: Only a miracle can revive Finnish economy

 

Finland Anti-Austerity Strike Shuts Down Public Transport, Flights

 

As Recession Pits Labor Unions Against Government

greve contra medidas de austeridade na Finlandia_1

 Greve contra a austeridade em 18 de setembro de 2015 em Helsínquia.

publicado por eu-calipto às 19:14

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 6 de Fevereiro de 2016

Jeroen Dijsselbloem

Jerão Disselbloema ou Coisa Pior da Silva.png

 (*) Bancada vem de Banco? Ou é Banco que vem de Bancada?

Com um nome destes não podia ser boa pessoa.

Jeroémio Dissel Blum? Seria mais fácil chamar-lhe "mabeco".

Foi este ex-ministro holandês, agora presidente do Eurogrupo, que pressionou Grécia, Portugal e Espanha para adotarem as medidas de austeridade, depois de ele próprio ter transformado a Holanda num dos maiores paraísos fiscais da Europa senão do Mundo. O dinheiro dos países do Sul “dos preguiçosos e desonestos” foi passando para os bolsos dos “honestos e trabalhadores” do Norte. Basta ver o exemplo das grandes empresas portuguesas com sede fiscal na Holanda – Portugal Telecom, Pingo Doce, Sonae, etc..

Agora percebo porque lhe chamam Países Baixos. É porque são muito baixos em moral e usam truques baixos para passarem a perna aos outros.

Colocar o lobo a tomar conta do galinheiro.

O que não se sabe deste senhor – porque não se publica em nenhum dos maiores meios de informação – é quem ele realmente é. Esse personagem jogou um papel crucial no trabalho de transformar a Holanda num paraíso fiscal onde as maiores empresas europeias (incluindo algumas espanholas) e norte-americanas evitam pagar seus impostos nos países onde se realiza a produção, a distribuição ou o consumo dos seus produtos. A política impositiva desse país está desenhada para atrair as companhias multinacionais, que estabelecem suas sedes na Holanda. As vantagens fiscais e subsídios públicos, assim como seu tratamento favorável às rendas do capital, são bem conhecidas no mundo financeiro e empresarial.

Desprezo esta gente insensível e cínica.

publicado por eu-calipto às 23:12

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 31 de Janeiro de 2016

Dinamarca - Esclarecimento

 sapo-pt_2016_01_31_mais-de-10-000-criancas-migrant

 Relativamente ao post anterior muitíssimos comentários a apoiar o extremismo da Dinamarca, com muitos insultos à mistura, falta de bom senso e défice de informação.

Como comecei a dizer, a Dinamarca ou outro país devem ter pleno direito a aceitarem ou não aceitarem receber cidadãos estrangeiros no seu país.

O problema que levantei é não responder a uma situação anómala e errada (comportamento de alguns imigrantes) com um erro de civilização (extremismo de um país civilizado – Dinamarca).

A solução dinamarquesa de tirar bens aos imigrantes para “a sua reintegração” na verdade não resolve nada. Não serão alguns dólares que se conseguem transportar numa mochila que salvam os prejuízos dos dinamarqueses. Parece uma medida simplista, para inglês ver, própria de quem não quer ou não sabe resolver o problema de uma forma exemplar e inteligente e opta por uma solução populista e controversa.

Seria mais apropriado, exemplar, civilizado e persuasivo fazer assinar um compromisso que respeitam e aceitam a cultura dinamarquesa e que pretendem integra-se plenamente na sociedade dinamarquesa, com a intenção de se tornarem cidadãos dinamarqueses iguais aos outros. Proibição de tapar a cara com as burcas, respeitarem os direitos das mulheres, etc.

A contrapartida ao acolhimento devia ser a aceitação das regras do país. Seria uma forma de os imigrantes compensarem a boa vontade dos países que os recebem. A escolha seria dos próprios imigrantes.

Foi assim que os portugueses se integraram nos Estados Unidos, Canadá, França e até como os africanos se têm integrado nas sociedades francesa, inglesa, portuguesa, americana, etc.

Quem quer quer, quem não quer vá para outro lugar.

tags:
publicado por eu-calipto às 18:17

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Janeiro de 2016

Dinamarca borra a pintura

reino da Dinamarca_Jan16.jpg

O governo radical de direita da Dinamarca aprovou esta semana uma lei que permite confiscar os bens dos imigrantes que entram no país.

Se por um lado se compreendem as preocupações dos cidadãos europeus ao serem quase “invadidos” por turbas de muçulmanos refugiados do médio oriente, também é um pouco estranho uma medida digna das piores ditaduras.

Deixa-se uma pessoa entrar no país e logo depois manda-se abrir as malas e tira-se o que se quiser dos poucos bens que conseguiram transportar numa mochila. Olha-se para as mãos e para o pescoço e se têm um anel ou um colar de ouro tira-se para pagar as despesas de acolhimento.

Isto não é  um país de acolhimento civilizado mas sim uma casa de penhores.

Mais grave é isto ser feito por uma das nações consideradas mais civilizadas do Mundo.

Perde-se a razão completamente quando uma pessoa supostamente civilizada se comporta como um imbecil bárbaro. Quem tem de dar o exemplo é o mais educado. Só assim se mantém a superioridade moral.

Mais fácil e honesto era proibir a entrada no país e ponto final.

Imaginem um português entrar no Egipto em férias e um árabe abrir a carteira e tirar todo o dinheiro? O que diríamos?

Nem no Burkina Faso consta que isto tenha acontecido.

A cereja em cima do bolo

Desde que o índice foi criado, em 1995, a Dinamarca lidera ranking de países menos corruptos do Mundo.

Não têm corrupção mas de uma certa cleptomania também ninguém lhes tira uma elevada classificação.

publicado por eu-calipto às 22:34

link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
|

Óh mãe, perdi as eleições

mae perdi as eleicoes.JPG

 

tags:
publicado por eu-calipto às 22:32

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Janeiro de 2016

Manipulação jornalistica no seu melhor

Um pasquim encontra sempre uma maneira manhosa de dar uma notícia.
A imaginação do jornalismo de sarjeta, desonesto e ranhoso, não tem limites.
Einstein dizia: "Existem apenas duas coisas infinitas - o Universo e a estupidez humana. E não tenho tanta certeza quanto ao Universo".

O exemplo mais recente:

pasquim CM-7Jan16.jpg

Para quem tiver um pouco mais de tempo e paciência para me aturar eu explico melhor o que se passa.

Há um certo jornalismo que em vez de dar as notícias opta pela estratégia de fazer intriga política, devassar a vida íntima das pessoas mais conhecidas, fazer investigação policial, entrar em guerras e polémicas pessoais. Isto é também uma forma de ganhar audiências e vender jornais. Para completar a cereja em cima do bolo, colocam umas fotos de umas raparigas quase nuas e umas notícias de crimes horrendos contados com todos os detalhes.

Em Portugal nenhum jornal ou órgão de comunicação social desempenha melhor este papel do que o CM - Correio Manhoso.

O pior e mais preocupante, é que há todos os sinais que este pasquim recebe informações de alguns elementos do sistema de justiça.

É todos os dias. Uma vez é Sócrates (de umas das vezes durante mais de 40 dias seguidos), depois foi por algum tempo Miguel Macedo, agora é Pinto da Costa.

Quando a justiça decide de forma contrária ou menos simpática para as preferências do Correio Manhoso, este serve-se do meio de comunicação para deturpar as opiniões e decisões dos outros.

Veja-se o exemplo do título que inicia este artigo. Um processo contra Rui Rangel foi arquivado, portanto aproveita-se para levantar a suspeita que foi jogo de secretaria. Tem sido sempre assim. Alguém que seja contrário à “pasquinice” aparece logo na capa do dia seguinte com qualquer insinuação caluniosa. Se alguém protesta, vem o grito de socorro:

"-Aqui-d’el-rei" que querem amordaçar a informação independente".

Um nojo!

publicado por eu-calipto às 09:40

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 4 de Janeiro de 2016

É a primeira vez que cá venho desde a última em que cá estive

As boas opiniões dos outrosrealidae nua e crua.jpg

publicado por eu-calipto às 15:03

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2015

Corrupção! Crime difícil de provar, então não é preciso provar!

Uau! A grande conclusão dos jornalistas de sarjeta.

Se parece é!  Limpinho, limpinho!

Outro “bom” serviço dos jornalistas do lixo: Se não se conseguem provar os crimes, ou porque nunca existiram, ou porque os fracos investigadores não conseguiram apresentar as provas, então condena-se na comunicação social. Basta ter uns ajudantes de diabo, tipo Felícias, Dâmasos; Tânias, Otávios; Fernandos Esteves, etc., super desajuizados e procuradores do clã “Vida Limpa”.

Os exemplos são mais do que muitos.

Tenho dúvidas que Carlos Cruz seja mesmo culpado pelos crimes que o mantêm na cadeia, mas um dos casos mais escandalosos de “condenar ao kilo” passou-se no processo Face Oculta.

(Transcrições exatas do texto do acórdão).

Pág 2636 - A pena do Contradanças

Apesar da sua anti-juridicidade, os factos praticados por José Contradanças, comparativamente com os levados a cabo por outros, em termos de ilícito de corrupção, estão próximo dos limites mínimos da gravidade, sendo certo que se tratava de um Administrador de uma empresa pública (a “IDD”). Há ainda a considerar a menor intensidade do dolo, além de que não recebeu qualquer contrapartida de Manuel Godinho, nem este obteve adjudicações por seu intermédio. Assim, não possuindo antecedentes criminais e ponderando ainda as circunstâncias enunciadas, considera-se ajustado fixar a pena seguinte: - a pena de 1 (um) ano e 6 (seis) meses de prisão, pela prática de um crime de corrupção passiva para acto ilícito, previsto e punido pelo artigo 372.º, n.º 1, do Código Penal (Parte IV).

Leram bem?

Não recebeu qualquer contrapartida” e “nem este obteve adjudicações por seu intermédio”, “... considera-se ajustado fixar a pena seguinte: - a pena de 1 (um) ano e 6 (seis) meses de prisão”.

As páginas 1815 e 1816 também têm coisas interessantes deste género.

Está escrito por juízes. Não fui eu que inventei.

 

Noutras decisões também do Face Oculta os “condenados em primeira instância” entraram em choque com o corrupto assumido e provado (Godinho), mas isso para os juízes é: “… ter uma conduta correta para dar um ar de aparente inocência …”, numa altura em que ainda não se sabia que ia haver problemas com a justiça. Vai lá vai!

 

O caso Sócrates também começa a levantar muitas dúvidas. Qualquer pessoa que ouse ter alguma dúvida sobre a culpabilidade ou inocência de Sócrates é acusado nos pasquins de ser colaboracionista e também criminoso, aparece logo a sua fotografia e difamação nas capas dos lixos informativos, assim como da sua família e amigos.

Assim vale tudo! Isto que eu digo verifica-se todos os dias.

publicado por eu-calipto às 08:36

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Dezembro de 2015

Uma adivinha

Desta vez faço um desafio, para os leitores treinarem a sua perspicácia.

Trata-se de dar resposta a uma adivinha.

Garanto que não é difícil.

Descubram a que jornal diz respeito a notícia destacada com a bola vermelha na figura abaixo.  A notícia saiu no mesmo dia em todos eles.

Têm três hipóteses.

adivinha_jornal ou pasquim_3Dez15.png

Então?

 

publicado por eu-calipto às 19:51

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Novembro de 2015

Sérgio Monteiro

Sergio Monteiro_crise qual crise_Nov15.png

 Crise? Qual crise?

Estou a dizer uma coisa que toda a gente já sabe, mas eu quero que ninguém esqueça.

A crise não é para todos!

Sérgio Monteiro e Catroga são os mais acabados exemplos que a crise e as restrições de dinheiro quando nascem não são para todos.

Fico por aqui à espera que lhes faça bom proveito.

Podem comprar carros e casas, mas, para o céu é que não vão de certeza.

publicado por eu-calipto às 23:56

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 21 de Novembro de 2015

Prazos máximos indicativos

Portugal é um país original em muitas coisas, uma delas é no cumprimentos e/ou não cumprimento de regras. Cada um acha-se no direito de cumprir ou não as regras estabelecidas em função da sua própria vontade. São exemplos disto os horários das reuniões e dos encontros, ou mesmo das próprias leis. E isto acontece quase sem consequências.

Há sempre uma maneira de não cumprir uma lei, quanto mais não seja, pelas próprias exceções que a lei estabelece. Convém relembrar que as leis são feitas pelos deputados consultores de gabinetes de advogados que depois são chamados para interpretar a lei à vontade dos seus interesses, dos seus clientes e dos seus amigos.

O exemplo mais recente e mais mediático foi o fim de prazo de inquérito do processo em que está envolvido José Sócrates. O prazo, já dilatado pela complexidade do processo (e que já estava consolidado há quase um ano), terminou em 19 de outubro de 2015.

Estamos em finais de novembro e nada. Nem acusação nem arquivamento. Agora diz o ministério público e alguns comentadores convenientes, que os prazos escritos na lei como “máximos” são meramente indicativos.

Veja-se na prática o que isto significa. A velocidade máxima nas autoestradas é de 120 quilómetros por hora, mas será apenas um valor indicativos. Os carros de boa cilindrada sentem-se no direito de circular a 160 km/h ou mais. Até acendem as luzes a quem vai a cumprir a velocidade estabelecida. Portanto sentem que estão dentro da razão.

Para abreviar vou mostrar exemplos mais fáceis de demonstrar a falsidade da interpretação dos máximos “indicativos”.

Em vez de palavras fiquem com os vídeos:

Altura indicativa 1:

 Altura indicativa 2:

 Agora vão perguntar ao Alex e aos advogados e juízes pafiosos o que têm a dizer aos motoristas destes camiões. Podem continuar a passar nas pontes baixas porque os avisos de altura máxima são apenas indicativos, tal como prazos da justiça portuguesa? São estes especialistas que eu não gostaria de ver a conduzir camiões, a pilotar aviões, a fazer intervenções cirúrgicas, ou sequer a cortar o meu cabelo. São um perigo para a natureza e uns inúteis.

Nota: De um país que elegeu duas vezes o presidente que temos em Belém, o que era de esperar?

publicado por eu-calipto às 22:29

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 18 de Novembro de 2015

Presidente? Governo? Portugal? Justiça? Imprensa? Tvs? Comentadores?

Está tudo louco!

Depois das cagarras só falta ver um porco a andar de patins.

O circo chegou

 Depois de ouvirem a letra desta canção ficam a perceber melhor o que é uma perfeita loucura. A imaginação ao serviço da loucura e da falta de ligação lógica entre os vários assuntos.

É assim que estou a ver Portugal nos últimos tempos.

Lamentável.

tags:
publicado por eu-calipto às 00:39

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 10 de Novembro de 2015

Miguel Macedo - Boi de piranha?

Boi de piranha é uma expressão utilizada no Brasil para caricaturar a situação dos políticos sacrificarem um dos seus para distrair a justiça e a opinião pública deixando os restantes do seu grupo na paz e sossego para continuarem ou esconderem  as suas tropelias.

O termo tem origem numa técnica utilizada pelos grandes criadores de gado do Brasil que consiste em deitar um boi para um rio que esteja infestado de piranhas, normalmente um boi escolhido por ser mais fraco ou mais velho. Enquanto todas as piranhas se ocupavam o comer o chamado “boi de piranha” o resto da manada pode passar o rio sem perigo de mordidelas das piranhas.

O mesmo que aqui refiro parece estar a ser feito com Miguel Macedo do PSD. Este antigo deputado e ministro da administração interna foi nitidamente atirado às piranhas da justiça e da comunicação social. Deste modo pretende-se passar a manada do resto dos malfeitores do partido (Marcos Antónios Costa, Menezes pai e filho, Migueis Relvas, Dias Loureiros, etc., etc.).

Estas capas não têm outro significado?

5 Nov. 15

boi de piranha 1_Miguel Macedo.PNG

8 Nov. 15

 boi de piranha 2_Miguel Macedo.PNG

É sempre de desconfiar quando as notícias são repetidas e dadas de forma sensacionalista, como também foi acontecendo com Sócrates. Escolhe-se a fotografia mais desfavorável e umas letras bem gordas. O conteúdo da notícia pode dizer o contrário, ou nada, porque pouca gente lê e sempre dá geito para desculpa perante a justiça. A lavagem ao cérebro dos mais distraídos é uma técnica praticada por jornalismo de sarjeta, diga-se, com grande eficácia e profissionalismo. Também existe o termo do "crime perfeito", nestes casos as difamações perfeitas.

O que acho, quer para os da minha simpatia política, quer para todos os outros:

- Enquanto os casos estão nas mãos da justiça, não interessa, não se deve, nem se pode, estar a deitar lama para cima das pessoas.

As suspeitas são suspeitas, só depois de provadas, se forem provadas, é que se tornam crimes.

publicado por eu-calipto às 19:42

link do post | comentar | favorito
|

pesquisar

 

Julho 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Durão Barroso - O canalha...

Wolfgang Schäuble, o cana...

CMTV? O que é isto? O nom...

O estarola Jeroémio

BREXIT - Fugir a sete pés...

União Europeia => Chafari...

UE-União Europeia ou a GC...

Começo do início do fim d...

Quem ganhou e quem perdeu...

Feira de pançudos

Cavacos. Coisas muito int...

Ministros sombra a sair d...

Offshore do Panamá - Aind...

Há vigaristas sérios? Ou ...

Imbecilizar um povo

Sem mais comentários

"Corrupção" legal

Finlândia - fim da lândia...

Jeroen Dijsselbloem

Dinamarca - Esclareciment...

arquivos

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

favorito

Venha o diabo e escolha.

links recomendados

blogs SAPO