Terça-feira, 18 de Dezembro de 2012

O vigarista mentiroso

Passos Coelho vem dizer que as pessoas recebem pensões mais elevadas do que aquilo que contribuíram. É verdade para uns e é mentira para outros. Se alguém viver até aos 90 anos e receber uma pensão de alto valor vai haver um momento em que começa a receber mais do que aquilo que descontou. Se alguém tem a infelicidade de morrer novo, perde todo o dinheiro descontado dos seus vencimentos, que não transita para os seus herdeiros. Para o bem ou para o mal acontece que o regime de pensões não é um regime de aforro, digamos, um desconto que vai para uma conta pessoal como se fosse uma conta bancária, mas tem mais semelhança com um seguro. Nos seguros os que não têm acidentes pagam para os que têm acidentes e ficam até muito satisfeitos com isso (pagar e não receber). No regime de pensões atual as pessoas descontam do seu vencimento e a entidade patronal desconta outra parte. Quando se está a descontar ninguém sabe quem vai ganhar e quem vai perder. Diz-se até que o Estado tem usado esse dinheiro para investimentos e até para aplicações financeiras.

Vejamos o meu caso pessoal como exemplo. Num cálculo aproximado, em 38 anos de serviço descontei cerca de 105 000 Euros. Por mérito e esforço pessoal, atingi o topo de uma carreira profissional, pelo que tenho direito a valores superiores à média. Se vier a ter uma pensão de 1800 Euros mensais isto quer dizer que durante os primeiros 5 anos estou a gastar do meu próprio dinheiro. Mas, como a entidade patronal devia fazer também o desconto igual ao trabalhador, estes cinco anos passam para dez anos.

Portanto, a ideia de que os trabalhadores mais novos no ativo estão a contribuir para o valor que vou receber na minha aposentação, isso só será verdade daqui a 10 anos. Mas, mesmo assim, considerando a lógica dos seguros, muitos dos aposentados terão já morrido antes de atingirem os dez anos em que estão a gastar do seu próprio desconto, ficando a diferença para os outros.

O Sr. Passos Coelho que não engane mais os portugueses. Quem recebe pensões muito acima do que descontaram são os deputados e membros dos governos e outros cargos políticos. Muita dessa gente recebe reformas milionárias ao fim de 12 anos ou pouco mais de descontos. Esses é que não merecem. Os Miras Amarais, os Catrogas, os Marques Mendes, etc., que ainda por cima continuam a trabalhar e a receber. Interessante que nenhum destes gosta do Sócrates, pois foi ele que criou uma lei que diz que sendo reformado não pode acumular nenhum salário do Estado, ou então tem de desistir da reforma. Veja-se o Presidente da República. Este senhor está a gastar do dinheiro das aposentações em vez do salário de Presidente.

Não há dinheiro, não há dinheiro, (a música da moda).

Mas Passos Coelho usou todo o dinheiro, acumulado para as pensões dos bancários, para baixar desnecessariamente o défice público de 2011. Agora será a Segurança Social a pagar nos próximos anos as reformas dos bancários.

Estamos perante uma vigarice. O homem do lixo, que toda a vida foi administrador incompetente de empresas de lixo, está agora a tratar-nos como lixo.

Referência a consultar

Governo vai transferir fundo de pensões da banca para pagar BPN e Madeira

(sempre os amigos do Cavaco, já é azar).

publicado por Eu mesmo às 23:19

link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

Agosto 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
18
19
21
22
23
24
25
26
28
29
30
31

posts recentes

Salário dos motoristas de...

Querem lá ver que quem co...

Pedro Pardal Henriques & ...

Greve dos camionistas de ...

O homenzinho que nunca se...

Enfermeiros cirúrgicos – ...

Vira o disco e toca a mes...

Actual Comunicação Social...

Os sabe-tudo ...

Só o Armando Vara e o Sóc...

Confirma-se previsão de "...

CM - Correio Manhoso_ 5No...

Deus nos livre ...

Fogos florestais - comuni...

Fogos - Opinião de outros...

Gente séria é outra coisa

Justiça a reboque da comu...

República dos juizes

Moção de "auto-censura" p...

Rei Ghob

arquivos

Agosto 2019

Abril 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Novembro 2018

Outubro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

links recomendados

Tempo

blogs SAPO