Domingo, 28 de Fevereiro de 2010

Jornal SOL vs. Revista Sábado. Alguém mente sim senhor!

 

A capa do Sol passa a mensagem que os escutados no processo Face Oculta souberam que estavam a ser escutados por fugas facilitadas por Pinto Monteiro. A revista Sábado e muitos outros meios de comunicação social dizem que foi encontrada uma carta (anónima?) no escritório de Armando Vara, a informar que ele e Sócrates estavam a ser escutados.

 

Entendam-se! Afinal como souberam que estavam a se escutados? Um dos dois jornais está a mentir. O curioso é que os dois jornais têm um único objectivo – vender mais jornais à custa da difamação de Sócrates.

A tentativa de agora estender a rede de sujidade à justiça e seus responsáveis  é uma "maldade" de consequências imprevisíveis.

publicado por eu-calipto às 16:49

link do post | comentar | favorito

Qual Face Oculta, qual carapuça !!!!!!!!!!

Palavra mágica para vender jornais – “José Sócrates”

Sócrates não será um santo. Nunca será de certeza absoluta canonizado, nem isso lhe faz falta nenhuma.

No entanto tem dado pão a muitas famílias e tem feito muita gente famosa, sobretudo na área da comunicação social, e ainda mais interessante, beneficiando os que menos gostam dele. Só a família Moniz já ganhou com Sócrates 6 milhões de Euros. José António Saraiva salvou/adiou a falência do Sol à custa de José Sócrates.

Qualquer notícia sobre nada, ganha logo alguma importância e é tema de discussões infindáveis, vende jornais e faz audiências na televisão, se tiver a palavra mágica - “José Sócrates”.

Todos os políticos estão a fazer crer que o maior problema do país é saber se José Sócrates sabia, ou se disse que não sabia e sabia, da compra da TVI pela PT Telecom. Isto não interessa nada ao comum dos portugueses. A quem interessa?

- A um político medíocre!

Pois para ficar famoso em dois dias, basta falar mal de Sócrates.

 Está tudo maluco?

 

sinto-me: revoltado
publicado por eu-calipto às 16:44

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

Sol de pouca dura.

Manipulação clara da informação.

Veja-se em detalhe a caixa de texto da capa do jornal Sol.

O que entende uma pessoa mais desprevenida é que Perestrelo concordaria com um hipotético pagamento a Luís Figo.

Uns dias depois (dia 22 de Fevereiro) o jornal Correio da Manhã publica na página 28 uma pequena caixa de texto onde se desmente a notícia feita passar dias antes em letras gordas.

O texto do desmentido, acima mostrado, diz o seguinte:

“O secretário de Estado da Defesa desconhecia e foi contra a entrada de Figo na campanha do PS, tendo como contrapartida o contrato com o TagusPark. O CM sabe que os investigadores do processo terão considerado a escuta relevante porque foi aí que conheceram o contrato. Todavia, o que Marcos Perestrello afirma na conversa com Paulo Penedos, assessor jurídico do administrador da PT Rui Pedro Soares, é apontado como uma evidência de que ele não sabia e que se terá manifestado contra. A passagem em que Perestrello fala do que valeriam os 250 mil euros por ano a pagar a Figo em subsídios de desemprego é valorizada a seu favor. Na altura, era candidato à Câmara de Oeiras, mas não tinha funções na campanha. O contrato não foi feito por João Carlos Silva, militante do PS e administrador do TagusPark”.

Assim, se prova que Perestrello quando disse que isso valia muitos subsídios de desemprego, era para não concordar com o pagamento. Tudo ao contrário do que quis fazer crer o Sol.

O Sol nem um desmentido em letras minúsculas teve a coragem de publicar.

O Correio da Manhã cumpriu o seu objectivo – vender jornais. O Sol quis vender jornais, e ainda, manipular a opinião pública.

Admiram-se quando alguém chama a isto jornalismo de sarjeta?

publicado por eu-calipto às 23:09

link do post | comentar | favorito
Domingo, 21 de Fevereiro de 2010

Faces que se vão desocultando

Já não há mais imaginação para inventar mais notícias de controlo da comunicação social.

O Expresso é de um fundador e militante do PSD. A SIC é do mesmo dono do Expresso. O Público é o blog particular de Belmiro de Azevedo. O 24 horas, o Correio da Manhã e a TVI são tudo meios de comunicação social nada simpáticos para Sócrates. Então resta-nos o SOL para salvar a liberdade de imprensa - imparcial e rigorosa.

Bom, se não há liberdade de imprensa o que seria se houvesse.

Felícia sabe do conteúdo de escutas que deveriam estar em segrego de justiça, portanto há três hipóteses:

1 – Felícia assaltou a procuradoria e roubou os processos;

2 - Felícia pagou a algum funcionário corrupto para ter a informação;

3 - Felícia recebeu a informação de algum amigo, interessado em utilizar a informação para fazer política.

Pelo menos a hipótese de assalto não foi conhecida do público. Então resta uma das outras duas possibilidades. Pode ser que um dia se desvende o segredo, se Felícia for apanhada nalguma escuta ilegal. Fazia-se finalmente justiça.

sinto-me: azar
publicado por eu-calipto às 22:56

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 16 de Fevereiro de 2010

Estratégia feia de José Eduardo Moniz

 

Opinião

Jornal : Económico  

16/02/10 20:10

 

Moniz: "O carácter do primeiro-ministro passou a ser um problema"

 

 

Moniz ataca de forma brutal José Sócrates. É ou parece ser uma atitude doentia, cheia de ódio mal contido, agressividade incompreensível, obsessão.

Será só isto? – Não, não é!

Claro que Sócrates não fez tanto mal assim à família Moniz.

Nem Moniz nem Moura Guedes são nenhuns psicopatas maníacos.

O que Moniz é realmente é um grande oportunista e calculista.

A estratégia é agredir e provocar o mais possível Sócrates e o partido Socialista.

Desta forma fica melhor defendido para tudo o que fizer de mal. Passa a ter uma carta branca para cometer todas as patifarias.

Se alguém disser qualquer coisa contra ele, é porque está a mando de Sócrates. É obvio que ninguém quer vestir este chapéu.

Lembrem-se, Moniz recebeu 6 000 000 de euros para sair da TVI. Sócrates ganha cerca de 8 000 Euros por mês. Seja, o que Moniz recebeu, dava para pagar o ordenado de Sócrates durante 54 anos.

Escandaloso.

Por favor, pensem neste assunto, tirem as vossas conclusões e denunciem isto por todos os meios possíveis, se acharem como eu, que é motivo para isso. Modifiquem, corrijam. É que isto também vai aos nossos bolsos.

 

 

sinto-me: azar
publicado por eu-calipto às 23:36

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

O polvo à moda do Sol

A capa que não saiu e devia sair


 

A capa que saiu e não devia sair

 

A capa escondida

O comentário sensurado da página do Sol na internet

 
"O jornal está na falência e  quer sobreviver à custa de Sócrates.
É pena que a comunicação social tenha de seguir caminhos enviesados para se manter. Só que isto é à custa da verdade, dos portugueses e da decência.
Para o mês que vem esquecem esta história e inventam outra.

Digamos que o título em vez de ser "O polvo"

deveria ser "A mentira conveniente".

 

Fiz este comentário que nunca foi mostrado.

sinto-me: azar
publicado por eu-calipto às 23:00

link do post | comentar | favorito
Sábado, 6 de Fevereiro de 2010

Jornalistas de sarjeta III

Exigir o quê?

Para se exigir qualquer coisa tem de se ter o direito de exigir.

Quem deu a este casalinho algum direito de se substituir aos partidos, ao Presidente da República, aos tribunais. Foram eleitos por quem? Quando?

Quem pensam eles que são?

Isto é o cúmulo do descaramento, da arrogância e da falta de bom senso.

Quanto muito podiam dizem que “gostariam de …”. Agora exigir!?

É o máximo do desplante.

Se não gostam de Sócrates, estão nesse direito. Muitas outras pessoas não gostam e não fazem estas figuras.

Já agora, quem é que o casalinho “exige” que vá para Primeiro Ministro?

- Talvez o filósofo da Marmeleira!

 

A TVI desenvolveu uma programação à imagem da família Moniz.

Horas e horas de telenovelas, com meninas e meninos muito bem-parecidos, mas com base em argumentos imbecilmente fúteis. Os jovens protagonistas das histórias da TVI vivem de conflitos permanentes uns com os outros, intrigas e complôs infindáveis. Basta ver alguns minutos para assistir a discussões entre jovens sobre assuntos sem sentido, amizades e desamizades permanentes, infidelidades, etc. Como diria Saramago, a programação da TVI é um manual de maus costumes.

Dos jovens espectadores que assistam diariamente às séries da TVI só se pode esperar uma geração de pessoas sem ideias nobres, que vivem com os interesses focados em si próprios, no seu egoísmo sem limites, dependentes dos paizinhos ricos, do oportunismo, e na cultura do “exigir”. Tudo isto à imagem do casalinho Moniz – cheios de dinheiro por contratos milionários à custa de nada de útil, mas sim de muito oportunismo. Não se imagina o mal que este tipo de programas da TVI vai fazer às novas gerações de portugueses. Tudo ou em grande parte culpa da cultura televisiva do Sr. Moniz e da sua bela esposa.

Quem ouse opinar contra esta má informação e péssimo jornalismo, está ao lado do governo PS e de Sócrates, e a limitar a liberdade de informação.

Basta!

Nota final:

Moniz recebeu 6 milhões de Euros para sair da TVI (1 milhão e duzentos mil contos, moeda antiga). Nunca Sócrates receberá tanto, em todo o tempo que esteve e vai estar no governo.

 

 Manuela M. Guedes está de baixa fraudulenta desde finais de Setembro de 2009 até hoje. Foi fotografada numa festa numa discoteca às 3 de Manhã.

www.impala.pt/site/vip/mod_artigos_obj_moda.aspx

publicado por eu-calipto às 19:13

link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

Agosto 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Fogos florestais - comuni...

Fogos - Opinião de outros...

Gente séria é outra coisa

Justiça a reboque da comu...

República dos juizes

Moção de "auto-censura" p...

Rei Ghob

Confirmação da injustiça ...

Os intocáveis

Roubados e ainda temos de...

Não sejam mal agradecidos...

Rir é o melhor remédio, s...

Miguelito Relvado - O Ban...

Carlos Alex. Quem é ele? ...

Aeroporto no Montijo - er...

Mário Soares - o bochecha...

Bom Ano Novo

Atentados. Pode haver ou ...

Prisão, prisão, presão, p...

Justiça inútil ou "injust...

arquivos

Agosto 2018

Maio 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

favorito

Venha o diabo e escolha.

links recomendados

Tempo

blogs SAPO