Terça-feira, 23 de Abril de 2013

Música de sempre

Quando uma coisa é boa deve-se recordar.

Para descontrair desta desgraça do governo de Portugal e da Europa, ouçamos um pouco de boa música.

A banda de Benny Goodman já dava concertos nos anos 40 do século passado.

Em 1974, já com mais de 60 anos mostraram que quem sabe "andar de bicicleta" nunca esquece.

Dos medíocres já ninguém se lembra. Felizmente, uma boa regra da natureza.
Não percamos muito tempo com palhacinhos.
E agora ouçam a versão japonesa da música de 1936 Sing, Sing, Sing,
tags:
publicado por eu-calipto às 22:23

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 16 de Abril de 2013

Somos ricos. Oferecemos energia!

Estive hoje numa conferência sobre eficiência energética e energias renováveis. No período de debate fiz a seguinte pergunta a um dos oradores (um conhecido prof. de uma Universidade).

- Este ano temos tido uma grande produção de energias renováveis, pelo que, a certas horas, a oferta de energia eléctrica supera a procura (o consumo), razão pela qual o preço cai a zero e a energia é exportada a preço zero.

No gráficos em tempo real da página da REN pode-se ver a exportação, que em muitos casos se confirma ser a preço zero.

Nota: Negativo significa exportação. Exemplo do dia 13 de abril 2013.

O apresentador respondeu-me da seguinte forma: - A energia é como a pêra rocha. Se vários produtores colocarem ao mesmo tempo no mercado grandes quantidades de peras o preço vai descendo, podendo mesmo chegar a uma situação que o produtor fica com duas soluções: ou deita as peras para a lixeira ou dá a alguém. Como a energia não pode ser deitada fora resta dar a custo zero.

Claro que a resposta não me satisfez. O problema de dar a energia a Espanha não é o que me faz mais incómodo, o que me preocupa é que são os consumidores portugueses a pagar ao preço normal o que é oferecido a outros.

Voltando à imagens das peras, é como se o produtor oferecesse as peras aos que não são seus clientes, e quando vendesse peras aos seus consumidores habituais cobrasse o preço das peras oferecidas no período da fartura.

Outro orador confirmou tudo isto e disse que não era permitido passar a energia eléctrica para além dos Pirenéus porque não só os espanhóis não deixam, mas também os franceses não querem energia mais barata do que a que eles produzem nas centrais nucleares.

Então isto está viciado. É preciso alterar a legislação nacional e comunitária.

Quando pedirem a Portugal para pagarmos a nossa dívida dizemos que pagamos em energia,

porque  n ã o  h á  d i n h e i r o.

publicado por eu-calipto às 22:38

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Abril de 2013

Não há dinheiro, mas ...

Não há para umas coisas mas há para outras incompreensíveis. Isto é que me irrita.

http://economico.sapo.pt/noticias/governo-autoriza-presidente-do-igcp-a-ganhar-10-mil-euros-mensais_166696.html

Governo autoriza Presidente do IGCP a ganhar 10 mil euros mensais

Económico  
10/04/13 10:08

Quem é João Moreira Rato?

 João Moreira Rato, o homem escolhido por Vítor Gaspar para dirigir os destinos da emissão da dívida pública portuguesa e o regresso de Portugal aos mercados internacionais, era até agora editor executivo do Morgan Stanley. Quarta-feira foi um bom dia para os Moreira Rato. No dia em que João foi anunciado como presidente do IGCP, soube-se também que o seu irmão mais novo, Miguel – dono da consultora M Public Relations – tinha ganho a conta do Millennium bcp.

 Doutorado pela Universidade de Chicago, o novo presidente do Instituto de Gestão do Crédito Público (IGCP), que em setembro completará 41 anos, passou pelo falido Lehman Brothers e pelo Goldman Sachs, o banco que coloca ex-funcionários nos lugares de topo que decidem o rumo da economia global - de tal forma que os concorrentes lhe dão a alcunha de Government Sachs.

 Casado, dois filhos, João Moreira Rato saiu de Portugal em 1995 e vive em Londres desde 2000; foi também um dos três partners portugueses que lançou, em fevereiro de 2008, o Nau Capital, um hedge fund que tinha como objetivo chegar aos 500 milhões de euros em dois anos; a aventura terminou quatro anos depois, com a venda da totalidade do fundo ao Eurofin Capital. Esta experiência no mundo da alta finança será de extrema importância no diálogo com os mercados financeiros, que só oferecerão financiamento a taxas de juro comportáveis se acreditarem que Portugal é capaz de ultrapassar os seus problemas. João irá contar nessa tarefa com o apoio de Cristina Casalinho, economista-chefe do BPI, que assumirá o cargo de vogal do IGCP. O ministro das Finanças mostra saber onde estão as pessoas que contam. - Vítor Martins

 http://www.dinheirovivo.pt/Economia/Artigo/CIECO042611.html

Currículo resumido

Nota curricular de João de Almada Moreira Rato

1 — Dados pessoais:

Nome: João de Almada Moreira Rato.

Data de nascimento: 29 de setembro de 1971.

2 — Formação académica:

1993 — licenciatura em Economia na Universidade Nova de Lisboa.

2000 — doutoramento em Economia com especialização em Finanças

pela University of Chicago.

3 — Atividade profissional atual:

Desde outubro de 2010 — diretor executivo da Morgan Stanley.

4 — Funções anteriores

2008 -2010 — CEO, sócio gerente da Nau Capital LLP;

2006 -2008 — diretor executivo da Lehman Brothers;

2003 -2006 — diretor da Lehman Brothers;

2000 -2003 — associado da Goldman Sachs;

2000 — estagiário de verão na Goldman Sachs;

1997 — estagiário de verão no Banco Bozano Simonsen.

5 — Outras atividades:

Vice -presidente do Forum da Competitividade de 2008 a 2012;

Relator da Plataforma para o Crescimento Sustentável de 2011 a 2012

 Mais outro do Lehman Brothers.


publicado por eu-calipto às 20:43

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 2 de Abril de 2013

O mau negócio das renováveis em Portugal

Mau negócio para quem vende petróleo, carvão e gás.

Renováveis abastecem Portugal de eletricidade

http://expresso.sapo.pt/renovaveis-abastecem-portugal-de-eletricidade=f797507

Nos últimos cinco dias de março Portugal viu as suas necessidades de energia eléctrica praticamente satisfeitas a 100% pelas renováveis.

Eólicas e barragens estão a gerar eletricidade suficiente para todo o país, incluindo nas horas de maior procura (das 8h às 10h e das 19h às 21h), tendo havido ainda lugar a um incremento na exportação de energia.

De acordo com os dados agora revelados pela REN - Redes Energéticas Nacionais, o recurso às centrais térmicas a carvão foi residual e, no caso das centrais a gás natural, já não são usadas desde o passado dia 27 de março.

http://www.ren.pt/o_que_fazemos/eletricidade/

Ontem

publicado por eu-calipto às 22:58

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

pesquisar

 

Outubro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Deus nos livre ...

Fogos florestais - comuni...

Fogos - Opinião de outros...

Gente séria é outra coisa

Justiça a reboque da comu...

República dos juizes

Moção de "auto-censura" p...

Rei Ghob

Confirmação da injustiça ...

Os intocáveis

Roubados e ainda temos de...

Não sejam mal agradecidos...

Rir é o melhor remédio, s...

Miguelito Relvado - O Ban...

Carlos Alex. Quem é ele? ...

Aeroporto no Montijo - er...

Mário Soares - o bochecha...

Bom Ano Novo

Atentados. Pode haver ou ...

Prisão, prisão, presão, p...

arquivos

Outubro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

favorito

Venha o diabo e escolha.

links recomendados

Tempo

blogs SAPO