Sexta-feira, 28 de Setembro de 2007

Impacte ambiental da floresta e do uso da madeira

   Uma árvore é constituída em cerca de 50 % da sua massa seca por carbono. Este carbono constituinte da madeira é obtido na sua quase totalidade do ar da atmosfera, através da bem conhecida função clorofilina que se dá durante o dia, enquanto há radiação luminosa solar. Ao absorver o carbono a partir do dióxido de carbono do ar liberta oxigénio. À noite a árvore respira consumindo um pouco de oxigénio, mas muito menos do que aquele que absorveu.

   Assim, as árvores e a floresta funcionam como sumidouro de carbono, compensando os gases libertados pela actividade humana - CO2 resultante da queima de combustíveis.

000659qc

    Embora haja gases com um potencial de efeito de aquecimento global muito mais acentuado do que o dióxido de carbono (metano, óxido de azoto e compostos halogenados ) é, pela sua muito maior quantidade libertada, o CO2 que mais contribui para a alteração do clima.

000674rz

     Por razões de protecção das florestas e do clima foram criadas regras para limitar o abate excessivo de árvores, assegurando que a madeira consumida é reposta na floresta através da replantação de novas árvores. Também se pretende preservar a biodiversidade, que tem vantagens a nível de controlo de doenças, riqueza patrimonial da vida, etc.

    Os dois sistemas de certificação mais conhecidos a nível Mundial são os que se apresentam seguidamente.

00066c0k

    Quem quiser saber mais sobre estes assuntos basta procurar a abundante informação detalhada na internet.

 

publicado por Eu mesmo às 23:05

link do post | comentar | favorito
Domingo, 8 de Julho de 2007

Pegada ecológica

    A Pegada Ecológica é uma estimativa da quantidade de recursos necessária para produzir, de uma forma continuada, os bens e serviços que consumimos, e absorver ou eliminar todos os resíduos e poluentes que produzimos. Explicado por palavras simples, a pegada ecológica individual será calculada pela área em hectares que uma pessoa necessitaria para produzir os próprios alimentos, para obter água e energia para as suas necessidades, espaço para eliminar os seus lixos, e plantas verdes para capturar a poluição do ar produzido nas nossas actividades, transportes, aquecimento, etc.

 

 Situação actual:

  1. O valor mundial médio da Pegada Ecológica é de 2,9 ha por habitante.
  2. Actualmente a Pegada Ecológica média mundial é 35% maior do que a capacidade de regeneração do planeta.
  3. Ou seja, é necessário mais de 1 ano e de 4 meses para a Terra regenerar o que é utilizado e poluído num único ano.
  4. O planeta em que vivemos já é pequeno demais e os recursos insuficientes para o padrão de vida que temos.

    A pegada Ecológica Média de Portugal é cerca de 4,5 hectares globais por pessoa – duas vezes e meia acima da capacidade média aceitável para o planeta (1,8 hectares por pessoa).

 
  •    Atenção às estatísticas
 

    No fundo, tudo se resume à quantidade de poluição que cada um faz e à quantidade total de pessoas. Se uma única pessoa morando numa área de 10 ha tivesse uma pegada individual de 1 ha , a sua contribuição pessoal seria imensa, mas como era o único em toda a área a situação global era perfeitamente sustentável, porque a média da pegada ecológica seria de 0,1 ha . Pior seria se nessa mesma área de 10 ha houvesse 1000 pessoas (pequena aldeia), pois mesmo que cada uma tivesse uma pegada de “apenas” 0,2 ha , a pegada ecológica do conjunto seria de 200 ha . Portanto, neste último caso estaríamos 111 vezes acima da sustentabilidade do planeta.

 

   As médias são feitas contando com muitas pessoas que estão muito abaixo dos padrões máximos exigidos para a sustentabilidade, e por outras que, embora em menor número, contribuem com quase toda a poluição e consumo excessivo de recursos. As idades influenciam também muito o tamanho da pegada ecológica.

 

 Soluções:

  1. Ou se diminui a população do planeta e continuamos o mesmo nível de consumo e de poluição; ou,
  2. Mantemos a população e diminuímos os impactes negativos; ou,
  3. Aumentamos a população e temos de reduzir enormemente os impactes no ambiente.
  4. "Apertam-se os calos" aqueles que mais contribuem para os desequilíbrios.
 

     Se assim não for, nós ou os nossos descendentes estarão perdidos a longa prazo. Para quem quiser ter uma estimativa da sua pegada ecológica individual é muito  interessante uma consulta à página Internet:

 

http://www.earthday.net/footprint/info.asp?language=portuguese&country=portugal

 

 0005a5k8

Veja-se a evolução da pegada ecológica em 40 anos, por região do Mundo.

00058qk3

   40 anos depois,

00057fqq

tags:
publicado por Eu mesmo às 20:18

link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

Abril 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Impacte ambiental da flor...

Pegada ecológica

arquivos

Abril 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Novembro 2018

Outubro 2018

Agosto 2018

Maio 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

links recomendados

Tempo

blogs SAPO