Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2009

Belga substitui Lopes da Mota na presidência da Eurojust

Oposição e juízes, por favor, deixem de nos obrigar a ter de gostar do PS e de José Sócrates.

 

As notícias que o SOL gosta de dar - duas na mesma página.

 

Conseguiram para já o que queriam. Afastaram um português de uma instituição internacional, não por falta de competência nas suas funções, mas por intrigas internas e interesses partidários e corporativos mesquinhos.

Dirão alguns, mas a ética está acima do prestígio de ter um português à frente de uma organização internacional. Pois bem, mas que fez Lopes da Mota? Ficou com dinheiro que não era dele? Prejudicou alguém por falta de lealdade? Foi incompetente nas suas funções? Não! O que lhe foi imputado foi “pressão sobre juízes”. Mas que juízes são estes pressionáveis assim tão facilmente? Houve chantagem? Algum juiz “pressionado” ficou em perigo de perder o seu emprego? Coitados dos juízes, são assim tão pouco corajosos, tão psicologicamente fracos e sensíveis? .

Eu tenho uma história para contar (verdadeira).

Um coleccionador de miniaturas de comboios pôs um processo a um vendedor de móveis porque um armário tinha sido tratado com um produto que supostamente provocou a corrosão de alguns brinquedos. O processo vem de 1997. Já houve várias peritagens de laboratórios oficiais e foi dito que a causa da corrosão era certamente agravada pelos tratamentos da madeira, mas também por algum descuido do coleccionador. Pois, de recurso em recurso, contestações sucessivas de parte a parte, pedidos de novas peritagens, o processo ainda continua por decidir para 2010. Uma juíza recusa-se a tomar uma decisão de partilha de responsabilidades. São já 13 anos de ocupação “inútil” do tribunal. Uma juíza incapaz de tomar uma decisão!

Se isto aconteceu para um assunto de menor importância (pouco mais de 1000 contos – ainda contos nos primeiros documentos) e relacionado com brinquedos, o que será esta juíza e outros, para assuntos que envolvam decisões para a vida das pessoas e para as empresas?

Pois entretenham-se com os casos “Lopes das Motas”, "Varas e Varinhas", atribuição de notas de avaliação a Rui Teixeira, etc., que vão por um rico caminho.

Como dizia Marinho Pinto e com cada vez mais razão.

A justiça portuguesa? – Fujam!

 

 

publicado por eu-calipto às 11:09

link do post | comentar | favorito
Sábado, 19 de Setembro de 2009

Jornalismo de sarjeta II

O jornal “O Público” e o seu directorzinho José Manuel Fernandes, que tanto atacaram Sócrates durante os últimos dois anos, afinal sempre tinham uma agenda secreta para criar factos jornalísticos. Veja-se como o castelo de cartas ruiu de um momento para o outro.

'E-mail' denuncia que Fernando Lima, assessor de Cavaco, entregou ao 'Público' um 'dossier' sobre as suspeitas de espionagem do Governo a Belém.

As suspeitas de escutas por parte do gabinete do primeiro-ministro à Presidência da República foram levantadas por Fernando Lima, assessor de imprensa e homem de confiança de Cavaco Silva. Lima terá, segundo documentos  a que o DN teve acesso, procurado o jornalista do Público Luciano Alvarez, segundo este último, em nome do próprio Presidente.

Num encontro, que terá decorrido em Abril de 2008, "num café discreto da Av. de Roma", o assessor de Belém entregou a Luciano Alvarez um dossier sobre Rui Paulo de Figueiredo, adjunto jurídico de José Sócrates, cujo comportamento levantou suspeitas aquando da visita de Cavaco Silva à Madeira. Lima estaria convencido que este adjunto de Sócrates integrou a comitiva para "observar, o mais dentro possível, os passos da visita do Presidente e o modo de funcionamento interno do staff presidencial".

Todas estas informações constam de um e-mail enviado por Alvarez ao correspondente na Madeira, Tolentino de Nóbrega, no qual relata o encontro com Fernando Lima e sugere que até seria bom que a história viesse da Madeira, para que o ónus não recaísse sobre a Presidência:

dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx

 

Texto integral do e-mail comprometedor para o acessor do presidente e para o jornal “O Público, mas esclarecedor para todos nós:

dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx

 

publicado por eu-calipto às 22:43

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 17 de Julho de 2009

O senhor dos medicamentos e das armas

Donald Rumsfeld, ele mesmo.

       

publicado por eu-calipto às 05:04

link do post | comentar | favorito

Pandemia do lucro

Que interesses económicos se movem por detrás da gripe ?
No Mundo, a cada ano morrem milhões de pessoas vítimas da Malária que se podia prevenir com um simples mosquiteiro.
No Mundo, por ano morrem 2 milhões de crianças com diarreia que se poderia evitar com um simples soro que custa 25 cêntimos.
 

Sarampo, pneumonia e enfermidades curáveis com vacinas baratas, provocam a morte de mais de 10 milhões de pessoas a cada ano.

Agora que apareceu esta famosa gripe, com a qual morreram umas centenas de pessoas,  os noticiários mundiais inundaram-nos de notícias...

Uma epidemia, a mais perigosa de todas... Uma Pandemia!   Blá, blá, blá
Só se fala da terrífica enfermidade.

 

  Então, porque se armou tanto escândalo com a gripe? 

Porque atrás desta histeria colectiva está a milionária indústria farmacêutica. A Roche com o seu famoso Tamiflú(R) vende milhões de doses,  ainda que o Tamiflú seja de duvidosa eficácia. Ainda resta saber se não foram mesmo as empresas farmaceuticas a deixar escapar o vírus, criado em laboratório ??????????

Roche e a Relenza, as duas maiores empresas farmacêuticas que vendem os antivirais, obtêm milhões de dólares de lucro. Uma embalagem de 10 cápsulas custa 25 Euros,

 

A empresa norte-americana Gilead Sciences tem a patente do Tamiflú. O principal accionista desta empresa é nada menos que um personagem sinistro, Donald Rumsfeld, secretário da defesa de George Bush.

Os accionistas das farmacêuticas Roche e Relenza estão muito felizes pelas suas vendas milionárias.

   

Abra estas páginas se quer saber como eles estão empenhados no tema:

  http://www.gilead.com/   http://www.relenza.com/ 

                   http://www.roche.com/index.htm

 Prescindir das patentes da Roche, Gilead Sciences e Relenza e distribuir medicamentos genéricos gratuitos a todos os países, ou aos mais pobres, seria a melhor solução.
A verdadeira pandemia é de lucro, os enormes lucros destes mercenários da saúde.
PASSEM ESTA MENSAGEM POR TODOS LADOS, COMO SE TRATASSE DE UMA VACINA, PARA
QUE TODOS CONHEÇAM A REALIDADE DESTA "PANDEMIA".

 

.

publicado por eu-calipto às 04:51

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Setembro de 2008

Perfeição da Natureza

O Homem tem-se a si próprio como um ser inteligente, o mais inteligente do Planeta Terra. Não é verdade, o Homem em muitas das coisas que parece ser um génio, limitou-se a copiar o que Mundo natural lhe metia pelos olhos a dentro.

    Passo e exemplificar. Uma maravilha da tecnologia parece ser a do homem tecer fibras e fazer tecidos, cordas, que são produtos extraordinariamente flexíveis e resistentes.

    Grande novidade! Bastava ter olhado para uma palmeira, com as suas folhas entrelaçadas, para aprender a fazer um tecido ou uma corda Veja-se a figura.



    O mais interessante é que as palmeiras são das estruturas mais resistentes. Por exemplo a palmeira do Cibe, que existe por exemplo na Guiné-Bissau, tem um tronco extremamente fino e de uma altura extraordinária, ver figura abaixo, parecendo a qualquer cérebro pensante que se partirá à menor brisa. Pois esta maravilha da natureza resiste às maiores tempestades, dobrando-se para o lado do vento, mas uma planta saudável nunca se parte.




    Esta maravilha não foi feita por nenhum cientista em materiais estruturais de nenhuma Universidade. Foi feita por Deus? Terá sido criada pela lei da evolução natural?

    Julgo que ninguém sabe responder a esta pergunta, ou quem pensa que sabe pode estar enganado!

JAS

 

publicado por eu-calipto às 19:35

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 28 de Agosto de 2008

Acidentes. Responsabilidade da segurança

28 de Abril de 1988, acidente com avião Boeing 737 da companhia Aloha Airlines. Estes tiveram sorte. Apanharam o maior susto da vida mas sobreviveram.   http://www.aloha.net/~icarus/index.htm

 

Acidente aéreo de Madrid (20 Agosto 2008) e o descarrilamento do metro de Mirandela na linha do Tua (23 Agosto 2008).

        Há inspecções a aviões e a comboios, mas os acidentes ocorreram, mais que provavelmente, por graves falhas técnicas ou dos técnicos. Um avião, ao acabar de descolar de uma pista perde sustentação e precipita-se em direcção ao solo. Poucos acreditarão, ou pelo menos será muito raro, que os pilotos que também acabam por ser vítimas dos “acidentes”, cometam erros fatais irremediáveis, ou que um maquinista de um comboio consiga fazer descarrilar uma composição a baixa velocidade. Então quais as verdadeiras causas?

      O que começa a ser preocupante para os utentes, é que, depois de acidentes graves (com muitos mortos) há comissões de inquérito que facilmente concluem que tudo estava bem antes do acidente e que os aparelhos tinham sido sujeitos às necessárias verificações técnicas e que tudo estava em boas condições. Que os responsáveis das companhias ou os inspectores se desculpem ainda se compreende, mas as comissões de inquérito, essas por definição devem ser imparciais.

      Uma dedução lógica irrefutável é que, se um acidente aconteceu por causas técnicas é porque algum erro existia e não foi detectado. Ou porque os meios de detecção não foram suficientemente bons, e é necessário melhorá-los, ou porque os inspectores não foram competentes para o trabalho que lhes era pedido. É fácil compreender a certeza e confiança dos ignorantes, mas estes estão subordinados a uma cadeia de chefias e nesta alguém tem de assumir as maiores responsabilidades.

O resultado de um inquérito deve ser inevitavelmente o de identificar as causas dentro do que aconteceu de um dos cinco grandes grupos de possibilidades:

    1 – Falha mecânica da máquina.

    2 – Erro dos pilotos ou condutores.

    3 – Erro da manutenção.

    4 – Causas naturais (mau tempo, sismos, etc.).

    5 – Causas intencionais (sabotagem, terrorismo).

 

     Os erros (1) são em última análise também de causa humana, ou dos engenheiros que conceberam os aparelhos, ou de quem os fabricou.

    Os erros (2) dos pilotos ou condutores, ou são devidos a eles próprios, por não terem cumprido com regras estabelecidas, ou por seu desconhecimento dos correctos procedimentos, o que pode ser atribuído a má preparação e falta de conhecimentos ou de experiência.

    Os erros (3) são da responsabilidade dos mecânicos ou devidos à sua falta de preparação ou de falta de condições nas oficinas, ou ainda à falta de verbas para peças sobressalentes e reparações.

    Os erros (4) de causa naturais podem dividir-se entre os mais facilmente previsíveis como mau tempo ou a fenómenos menos prováveis como sismos ou derrocadas, mas também aqui algumas medidas preventivas podem minorar grandemente os efeitos.

    Os erros de tipo (5) são de certo modo imprevisíveis, pois não pode haver um polícia atrás de cada cidadão, mas podem ser minorados com algumas medidas preventivas.

 

Em resumo, o erro é sempre dos homens. De alguma dos elos da cadeia de intervenientes e responsáveis. Portanto, se não é do operador final da cadeia, é do responsável que o escolheu para a tarefa que não foi bem realizada e de quem lhe deu autonomia de operação, ou ainda de mais alguém pelo meio.

 

O que é inaceitável, acontece em Portugal, e pelos vistos também em Espanha, é concluir-se que a causa de determinado acontecimento é não determinada, e que a culpa não é de ninguém. É espantoso, mas é assim que acontece por estes lados do Mundo.

 
Anexos

http://diario.iol.pt/sociedade/tua-metro-parafusos-refre-linha-acidente/984950-4071.html
 

“A Refer, responsável pela rede ferroviária, explicou esta terça-feira que os parafusos retirados por jovens da Linha do Tua no domingo não ameaçam a segurança da circulação, reiterando que a empresa realiza inspecções e manutenções diárias na via.

Em declarações à Lusa, fonte da Refer sublinhou que os técnicos da empresa que avaliaram a linha onde descarrilou sexta-feira uma composição do Metro de Mirandela, a cerca de um quilómetro da estação da Brunheda, causando um morto e 43 feridos, «não detectaram qualquer deficiência nesta infra-estrutura».

No domingo, cerca de 40 jovens entregaram ao chefe da estação do Tua, funcionário da Refer, vários parafusos «soltos» que recolheram à mão e que são, para o grupo, o «símbolo da insegurança» e da «falta de manutenção e de cuidado» que há na Linha do Tua, que liga as Estações de Mirandela e do Tua. “

 

 

Ex. Madeira boa no entender dos inspectores da REFER, mas má na minha opinião.
Ou seja, a velhíssima história do copo meio vazio para uns e meio cheio para outros.
 

 Zonas de sobrevivência, nos casos em que houve sobreviventes. As diferenças são pequenas, mas atrás (zona verde) é ligeiramente mais seguro, nos aviões com motores nas asas., mas são os lugares mais desconfortáveis (ruído, cheiros, oscilações).

publicado por eu-calipto às 22:37

link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

Agosto 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Belga substitui Lopes da ...

Jornalismo de sarjeta II

O senhor dos medicamentos...

Pandemia do lucro

Perfeição da Natureza

Acidentes. Responsabilida...

arquivos

Agosto 2018

Maio 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Maio 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

favorito

Venha o diabo e escolha.

links recomendados

Tempo

blogs SAPO